Semana do Cinema Chileno

O projeto “Semana de Cinema Chileno em Porto Alegre 2019” tem como horizonte trazer para o público uma mostra das temáticas sociais, políticas e de gênero, as quais serão levadas à tela pelos cineastas chilenos, premiados em diferentes fóruns da sétima arte.

O Departamento de Difusão Cultural da UFRGS acolheu com muito esmero o projeto da Semana de Cinema Chileno, idealizado pelo Centro Cultural e Social Chileno de Porto Alegre (CCSC) que é uma associação sem fins lucrativos, comprometido em difundir a cultura chilena e as suas manifestações no Brasil.

O CCSC entende que o cinema é um rico veículo de transmissão e compartilhamento da cultura e da produção de conhecimentos dos povos, seja pela temática abordada, seja pela linguagem utilizada e/ou ainda pela explanação do pensamento ético, moral, político, científico, entre outros.

O evento terá lugar na Sala Redenção da UFRGS, de 25 a 29 de novembro e será gratuito para todo o público.

Os filmes Uma mulher Fantástica e Violeta foi para o Céu, são uma parceria com o Sesc-RS.

VIOLETA FOI PARA O CÉU
Dir. Andrés Wood | Chile | Drama | 2011 | 105 min | 12 anos | Legendado

Intratável, terna, boêmia, áspera, contundente, frágil e indomável. Violeta Parra foi uma das artistas mais emblemáticas do Chile – e ainda assim, profundamente ignorada por décadas de uma cultura controlada pela ditadura de Pinochet.

25 de novembro | 2ª feira | 16h
28 de novembro | 4ª feira | 16h


UMA MULHER FANTÁSTICA
Dir. Sebastián Lelio | Chile | Drama | 2017 | 104 min | 14 anos | Legendado

Marina é uma mulher trans. Quando seu parceiro morre, ela se vê diante da raiva e do preconceito da família dele. Ela luta por seu direito de sofrer – com a mesma energia ininterrupta que ela exibiu quando lutou para viver como uma mulher.

25 de novembro | 2ª feira | 19h
26 de novembro | 6ª feira | 16h


RARA
Dir. Pepa San Martín | Chile | Drama | 2017 | 86 min | 12 anos | Legendado

Sara (Julia Lübbert) é uma menina prestes a completar 13 anos. Depois da separação, sua mãe Paula (Mariana Loyola) agora mora com a nova esposa, Lia (Agustina Muñoz). O cotidiano é como o de qualquer outra família: tem problemas, mas muito amor. Victor (Daniel Muñoz), o pai das meninas, desaprova o novo relacionamento da ex-esposa e passa a interferir de maneira mais agressiva na vida das filhas, abalando a harmonia entre Sara e sua mãe.

26 de novembro | 3ª feira | 19h
27 de novembro | 5ª feira | 16h


Mais informações: https://www.ufrgs.br/difusaocultural/salaredencao/

Eventos similares

Pegue um convite