Recital Cantos do Sul da Terra

“Só a flauta de taquara
dizendo um áspero salmo,
naquela Noite Feliz
dos que viveram mal ano.
E esse tourinho de argila
e esse cordeirinho branco…
e junto ao Guri moreno,
a Virgenzinha de barro.”

Não foi um bom ano para os mais vulneráveis do continente. Mesmo assim, ou por isso mesmo, encerra-se o ano com nossos ritos sincréticos de comunhão e esperança, como nessa descrição do Natal andino, de Atahualpa Yupanqui.
Nosso recital de dezembro traz o Natal crioulo, mestiço, indígena, negro e peninsular, em nossa canção popular e nossas cevadas de palavra.
Também alguns criadores e intérpretes fundamentais que entraram na cancha ou passaram ao silêncio em algum dezembro do Sul da Terra.
É o encerramento do ano, do sétimo ano do Recital Cantos do Sul da Terra: sob os braços abertos do Cruzeiro – a Cruz del Sur -, em uma celebração comunal, solidária, bela, resistente, como nossa gente e nossos cantares.

(Reservas 998 807 689)

Eventos similares

6 dez 11:00 · Daqui 8 meses
Pegue um convite