Oficina - Educar em tempos de pós-verdade
Atualizado em: 04 de outubro de 2019, 04:30

Oficina - Educar em tempos de pós-verdade

OFICINA - Educar em tempos de pós-verdade: o ensino de sociologia e suas potencialidades na educação básica

O Ensino de Sociologia, desde 2008, se constitui enquanto componente curricular fundamental para a formação das juventudes brasileiras. Desde o ponto de vista da cidadania, percorrendo sua formação política, desaguando na contribuição para o desenvolvimento daquilo que Wright Mills, no final da década de 50, denominou de “imaginação sociológica”. Portanto, desenvolver a capacidade de jovens (e adultos) de se enxergarem enquanto sujeitos que participam do processo histórico é, certamente, uma das principais contribuições da sociologia no contexto de educação básica.
Para tanto, as dinâmicas da sala de aula nos implicam desafios que, em certa medida, ainda precisam ser discutidos e perpassados. Com frequência, professoras e professores de sociologia (e demais Humanidades) se veem imersos numa disputa de narrativas, as quais exigem uma afirmação diária sobre sua importância enquanto conhecimento científico que, ao se comprometer com métodos próprios, se difere das meras “afirmações cotidianas”. Nesse sentido, essa oficina se forma a partir de dois objetivos iniciais: compartilhar desafios comuns, por meio de experiências de sala de aula; e contribuir com ferramentas metodológicas para o desenvolvimento do ensino de Sociologia em sala de aula.
Assim, o encontro se divide em três principais momentos:
1. Contextualização: quem somos nós, professorxs de sociologia?;
2. Produção de plano de ensino: observar fenômenos para compreender cenários;
3. Compartilhamento: ao compartilhar aprendemos juntxs.

Local: Cirkula Editora, Livraria e Café
Data: 04 de outubro - sexta
Hora: 19h
Mediadorxs: Suélen Freire Acosta e Leonardo Van Leeuven