Lucas Etcheverria Quarteto (feat. Mai Linh)

Em apresentação única e especial em Porto Alegre no especialíssimo Café Fon Fon, o guitarrista apresenta suas novas experiências após entrar em contato com a comunidade de jazz em Hamburgo, na Alemanha, onde estuda na Hochschule für Musik und Theater Hamburg (Universidade de Música e Teatro de Hamburgo).

Reunindo grandes amigos de seu primeiro grupo em Porto Alegre (Quinzê) com a participação especialíssima da cantora alemã Mai Linh, também da universidade de Hamburgo, o quarteto traz uma mistura de composições próprias, bem como interpretações de Antônio Carlos Jobim, Eliane Elias, Djavan, Miles Davis, Kenny Kirkland, Wolfgang Lackerschmid, entre outros.
--------------------------------------------------------
Lucas Etcheverria - Guitarra
Mai Linh (Alemanha) - Voz
Mateus Albornoz - Contrabaixo
Rafael Müller - Bateria

Café Fon Fon
Rua Vieira de Castro, 22

15/03/2020
20:00
R$ 30,00
--------------------------------------------------------
LUCAS ETCHEVERRIA é um guitarrista e compositor de Porto Alegre morando atualmente em Hamburgo (Alemanha). Atualmente é bacharelando em guitarra de jazz na Hochschule für Musik und Theater Hamburg e na cidade pôde se apresentar com artistas como Yuliia Holub, Jonas Oppermann, Max Diversi, Oded Kafri, Drum The World e Rafa Brandão.

Lançou seu primeiro EP de jazz "Ways Ahead" em 2019, contando com grandes nomes da música brasileira como Kiko Freitas e Edu Martins.

Foi guitarrista e compositor dos grupos Quinzê, Karmã, Quarteto Sabiá e participou do grupo Tributo Cássia Eller - Rafa Caetano e Os Gatos Extraordinários. Também trabalha em outros projetos como freelancer, produtor e compositor.

Lucas também foi membro fundador, compositor e letrista do grupo Atlas of Conscience (Rock / Progressive Metal). Seus grupos tocam frequentemente em Porto Alegre e no estado do Rio Grande do Sul, tendo tocado também em Brasília. Também concluiu o curso de extensão em arranjo na UFRGS com o professor Gilberto Salvagni.
--
MAI LINH é uma cantora e arranjadora de Berlim, Alemanha, cujas raízes vêm do Vietnã. Ela ganhou suas primeiras experiências no palco aos 9 anos de idade no palco do Theatre des Westens (Berlim) em um musical. Nos anos seguintes, sua passagem pelo teatro e pelo balé moldaram sua trajetória artística. Nascida em uma família de músicos, comunica seu amor pela música principalmente através do canto, e através de grupos a capella, conheceu a cantora de jazz Tanja Pannier (cantora do grupo A Capella KlangBezirk) e o cantor de jazz Kristofer Benn (cantor do grupo A Capella OnAir), entrando em contato com a improvisação. Foi cantora no Landesjugendjazz und Pop Chor Brandenburg, sob a direção de Marc Secara, com quem gravou dois álbuns a capella e excursionou pela China e Brandenburg.

Mai Linh fala várias línguas e integra especialmente a língua japonesa em sua música. Viveu no Japão por um ano e meio e fez várias apresentações, incluindo uma apresentação ao vivo em um programa de rádio. Com sua música, foi convidada para se apresentar na embaixada japonesa em Berlim.

Desde 2019, estuda canto de jazz na Hochschule für Musik und Theater (Universidade de Música e Teatro de Hamburgo) com o Prof. Ken Norris e canto clássico com Astrid Schmidt.
--
MATEUS ALBORNOZ é baixista (elétrico e acústico) natural de Porto Alegre - RS. Iniciou na música aos 9 anos através do violão e desde então vem desenvolvendo seus estudos na área, integrando inúmeras bandas e realizando participações em shows e gravações de outros artistas. Atualmente é integrante fixo dos grupos Trabalhos Espaciais Manuais, Quinzê, Tributo Elis Regina com Camila Lopez e o Arrastão, Mariano Telles Ensemble, Axé Rollon e Christmas in Concert.

Além destes trabalhos, está cursando Licenciatura em Música na UFRGS e estudando contrabaixo acústico jazzístico e de arco com Edu Martins, além de participar de um grupo de estudos de arranjo e harmonia dirigido por este mesmo professor.
--
RAFA MÜLLER é um baterista e compositor porto alegrense de 19 anos. Tendo iniciado seus estudos de bateria aos 4 anos com Ricardo Arenhaldt, teve como professores também Kiko Freitas, Vera Figueiredo, Edu Martins, Júlio Herrlein, Ana Fridman e Bruno Braga.

O baterista integra projetos autorais como o quarteto Karmã e o grupo Quinzê. Também acompanha o trabalho de artistas como a intérprete Camila Lopez, a Big Band do Instituto de Artes, a pianista e compositora Ana Fridman, e o guitarrista e compositor Júlio Herrlein.

O músico já atuou com grandes mestres da música brasileira, como Nailor Azevedo "Proveta", Tiago Costa, João Egashira, Danilo Cayimmi e já se apresentou em vários palcos do Rio Grande do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília.

Eventos similares

Pegue um convite