Lançamento POA - Inúteis, frívolos e distantes
Atualizado em: 15 de outubro de 2019, 00:47

Lançamento POA - Inúteis, frívolos e distantes

🌻Atenção dândis do Sul ; dândis do cinema!🌻

O primeiro lançamento do livro "Inúteis, frívolos e distantes: à procura dos dândis" vai ser em Porto Alegre, e em dose dupla:

🎞 9 de outubro, às 18h30, no XXIII Encontro Socine - foyer da Unisinos campus Porto Alegre (Av. Dr. Nilo Peçanha, 1600)

🐳 12 de outubro, às 16h, na Livraria Baleia

No evento na livraria Baleia haverá debate com participação de Gabriela Almeida, professora de Comunicação na UniRitter e pesquisadora em cinema ; audiovisual, corpo ; gênero.

O livro estará à venda também no estande da Baleia no foyer da Unisinos durante todo o encontro da Socine, entre 8 e 11 de outubro.

✨Venham brindar conosco e participar dessa conversa sobre cinema, corpo, gênero, estilo ; frivolidades da maior importância✨

____________________________________

SOBRE O LIVRO:

Aqui vêm os dândis. Sempre prontos, com sua ironia, a deslocarem palavras que se cristalizam em clichês. Para eles, nada é suficientemente sério - a não ser a própria banalidade. Bem-vindxs a uma estética pela qual poses são mais importantes que gestos, sensações implodem ideias, e máscaras dizem mais do que a realidade.

Há dândis de diversas orientações, etnias e gêneros. Artistas e não-artistas. Celebridades antes mesmo da cultura midiática e sobrevivendo dentro dela. Através do dândi, procuramos compreender, em especial, alguns filmes contemporâneos centrados numa estética do artíficio, em contraponto a uma tradição ocidental que privilegia a arte como interpretação e documentação da realidade.

Sobre os autores:

André Antônio (andrebarbosa3@gmail.com) é doutor em Comunicação e Cultura pela UFRJ, onde desenvolveu pesquisa sobre uma estética do artifício, da frivolidade e da inconsequência no cinema brasileiro contemporâneo. É realizador de filmes junto ao coletivo de cinema queer Surto ; Deslumbramento. Em 2015 estreou seu primeiro longa, A seita.

Denilson Lopes (noslined@bighost.com.br) é professor da Escola de Comunicação da UFRJ, pesquisador do CNPq e autor de Afetos, relações e encontros no cinema contemporâneo brasileiro (2016), No coração do mundo: paisagens transculturais (2012), A delicadeza: estética, experiência e paisagens (2007) e O homem que amava rapazes e Outros ensaios (2002).

Pedro Pinheiro Neves (pedropinheiron@gmail.com) é mestre em Comunicação pela UFPE e aluno do Doutorado em Comunicação e Cultura na UFRJ, onde desenvolve pesquisa sobre corporalidades inumanas e potências queer na fotografia de moda.

Ricardo Duarte (ricardo.duarte@nyu.edu) é doutorando em Comunicação e Cultura pela UFRJ e em Spanish and Portuguese Languages and Literatures pela New York University. Alguns de seus interesses de pesquisa são teoria queer, literatura e cinema brasileiros e estudos decoloniais.