Aproveite a cidade de Porto Alegre

Julio Herrlein Trio toca no Chapéu Acústico

Julio Herrlein Trio faz em show com muito
jazz, MPB e improvisação no Chapéu Acústico

No dia 17 de setembro, o projeto Chapéu Acústico apresenta o trabalho do Julio Herrlein Trio, a partir das 19h, no Salão Mourisco da Biblioteca Pública do Estado (Riachuelo, 1190). O guitarrista e compositor Julio Herrlein, conhecido no mundo artístico como ‘Chumbinho’, ao lado do contrabaixista Caio Maurente e do baterista Bruno Braga apresentarão composições originais e inéditas, assinadas por Herrlein, com arranjos elaborados coletivamente, especialmente para o trio. O repertório dialoga com o jazz e a música brasileira, com muito espaço para a improvisação. A entrada é franca ou mediante contribuição espontânea.

JULIO HERRLEIN
É Professor do Departamento de Música da UFRGS, onde se graduou com Composição (2011), orientado por Celso Loureiro Chaves e fez Mestrado e Doutorado (2014) em Composição Musical, sob a orientação de Antônio Carlos Borges-Cunha. Em 1998 lançou o CD "Julio Herrlein Quarteto" e no ano 2000 gravou o CD "Julio Herrlein Trio", ao vivo, no Theatro São Pedro. Em 2009 foi selecionado para apresentação na Sala Funarte Sidney Miller, com seu trabalho de guitarra solo e no ano seguinte foi professor de guitarra e improvisação na XXVIII Oficina de Música de Curitiba. Publicou em 2011, o livro "Harmonia Combinatorial" (edição bilíngüe) pelo Fumproarte/SMC e em 2013, “Combinatorial Harmony: Concepts and Techniques for Composing and Improvising”, pela editora Mel Bay Publications (EUA), distribuído para todo o mundo. Em 2017, o Julio Herrlein Quarteto participou do POA Jazz Festival, um dos mais importantes festivais do Brasil no gênero. Venceu o VIII Concurso de Composição do IBEU (edição Big Band), em 2006, no Rio de Janeiro e o Festival de Música Instrumental do RS (1996).

Tocou com diversos nomes nacionais e internacionais: Joris Teepe, Phil DeGreg, Kiko Freitas, Fábio Torres, Cliff Korman, Edu Ribeiro, André Vasconcellos, Toninho Horta, Eduardo Neves, Thiago do Espírito Santo, Sandro Haick, Gustavo Assis-Brasil, Edu Martins, Lucinha Lins, Robertinho Silva, Alegre Corrêa, Maggie Green, Craig Owens, Pata Masters, Guinha Ramires, Glauco Solter, Michel Dorfman, Bebeto Alves, Gelson Oliveira, Alessandro ‘Bebê’ Kramer, Maurício Marques, Paulo Dorfman, Emilio Valdes, Michel Leme, Bruno Tessele, Matheus Nicolaiewsky, Diego Ferreira, Mauricio Zottarelli, entre muitos outros.

CAIO MAURENTE
Baixista, compositor e arranjador, atua profissionalmente em Porto Alegre desde 2009. Formado em Licenciatura em Música pelo IPA, estudou baixo elétrico com Ayrton Zetterman e Clóvis Boca Freire, e baixo acústico com Alexandre Ritter (UFRGS), Lucas de Almeida (UFSM) e Edu Martins, com quem estudou, ainda, arranjo e harmonia moderna. Circula com versatilidade entre o pop, o samba, a MPB, o regional e o jazz, atuando atualmente como baixista do Cristian Sperandir Grupo, diretor musical do Show A3 - com Márcio Celli, Flora Almeida e Zé Caradípia- além do trabalho autoral com o Caio Maurente Trio.

Como free lancer, já trabalhou com Amik Guerra(Cuba), Matt Hopper(USA), Moisés Alves, Antônio Flores Trio, Djâmen Farias Quinteto, Nicola Spolidoro Quarteto, Diego Ferreira, Guga Munhoz, Rafael Ferrari, The Brother´s Big Band, Sergio Rojas, Luis Carlos Borges, Shana Muller, Os Sperandires, Marcelo Corsetti, Flora Almeida, Márcio Celli, Roberto Haag, Renato Fagundes, Andréa Cavalheiro, Sander Fróis (Chimarruts), Fernanda Copatti, Eduardo Pitta, Ricardo Seffner, Bloco A, Evandro Moah, Catuípe, Nalanda, dentre outros. Compôs parte da trilha do curta-metragem "Porcos Não Olham Pro Céu" (Daniel Marvel/2006.) e, em 2014, gravou sob direção de Maurício Nader, a trilha da minissérie "Doce de Mãe", da TV Globo.

BRUNO BRAGA
Baterista atuante na cena musical portoalegrense, é graduado em Licenciatura em Música pelo IPA-RS, com especialização em Processos Criativos em Música Popular, na Faculdade Souza Lima ; Berklee (SP). Com pesquisa direcionada ao jazz e à música brasileira, transita com naturalidade entre diferentes gêneros musicais. Integrante da banda Marmota, com a qual possui dois álbuns gravados e indicados ao Prêmio Açorianos de Música, também participa de outros projetos e formações musicais.

CHAPÉU ACÚSTICO
O produtor, publicitário e fotógrafo Marcos Monteiro assina a curadoria do projeto Chapéu Acústico, que tem movimentado o Salão Mourisco com shows de excelente qualidade, desde setembro de 2016. Os artistas locais tem a oportunidade de se apresentarem em um ambiente com ótima acústica, na iniciativa que não possui qualquer patrocínio. Os cachês dos músicos são pagos a partir das contribuições espontâneas, que ocorrem no chapéu, como nas performances de rua, e vão inteiramente para os artistas.


SERVIÇO:
Dia: 17 de setembro (terça-feira).
Hora: a partir das 19h.
Local: Salão Mourisco - Biblioteca Pública do Estado/BPE-RS (Riachuelo, 1190) – Centro Histórico de Porto Alegre/RS
Informações: Na BPE-RS, pelo telefone (51) 3224-5045 ou com produtor, Marcos Monteiro, via e-mail duearth@terra.com.br.
Entrada franca/Contribuição espontânea.

Texto: Vera Pinto - Imprensa BPE-RS
Fotos: Marcos Monteiro

Eventos similares

Pegue um convite