Debate com Timóteo Karai - Liderança Mbya Guarani

Debate com Timóteo Karai - Liderança Mbya Guarani

No quarto encontro do I Ciclo do Observatório Social de Povos Indígenas da Região Sul,o NIT, em parceria com o Museu Antropológico do Rio Grande do Sul recebem Timóteo Karaí, o cacique da Retomada Mbyá-Guarani da Ponta do Arado em Porto Alegre. Timóteo é o fundador da retomada hoje chamada de Tekóa Yjere que resiste há mais de um ano enfrentando um cenário político dos mais adversos. Ameaçados e atacados em várias ocasiões por mercenários contratados pela empresa Arado Empreendimentos Ltda, os Mbyá-Guarani da Retomada da Ponta do Arado se negam a ceder ao medo e às pressões judiciais.

Na próxima sexta-feira 27 de setembro a partir das 17hs, Timóteo Karaí nos explicará a história da Retomada da Ponta do Arado e os significados do território para seu povo. Também nos ensinará a importância e o valor da luta política num contexto sociopolítico no qual a vida dos povos indígenas está sendo cada vez mais ameaçada.