Cinê Iberê | Anahy de las Misiones, de Sérgio Silva

Anahy de Las Misiones, de Sérgio Silva, 110min, 1997, Brasil/Argentina

*sessão comentada com Araci Esteves, Miriam Rossini e Gustavo Fernandéz
*o filme será exibido em cópia restaurada

Anahy de Las Misiones, antiga lenda da região do Rio da Prata e é a personagem protagonista do filme homônimo ambientado em paisagens gaúchas durante a Revolução Farroupilha (1835-1845).Anahy (Araci Esteves) é a mãe coragem inspirada em Brecht, que com seus filhos atravessa os pampas indo até os cânions da serra gaúcha coletando os pertences dos combatentes mortos para sobrevivência de sua família. Empurram uma velha carroça e enfrentam a guerra, a morte e o medo.O objetivo de Ahahy é manter sua família unida a qualquer preço, mesmo que para isso tenha que negociar com os soldados de ambos os lados do combate. Não toma partido para não envolver-se na tragédia desta guerra. Entretanto, ela e seus filhos, sofrerão o conflito e terão de enfrentar um grande obstáculo, intransponível, muito além de sua obstinação.
No elenco, Araci Esteves, Dira Paes, Marcos Palmeira, Fernando Alves Pinto, Giovana Gold, Paulo José, Matheus Nachtergale, Roberto Birindelli, Leverdógil de Freitas, Marcos Barreto, Nelson Diniz, entre outros.
Uma realização M. Schmiedt Produções, da realizadora Monica Schmiedt (1961-2016), com os produtores associados Gisele Hiltl e Sérgio Silva, o filme recebeu diversos prêmios: Festival de Brasília do Cinema Brasileiro/1997 - melhor filme, dividido com Miramar de Júlio Bressane, atriz, roteiro, ator, atriz coadjuvante, direção de arte e júri popular; Festival de Cinema do Recife/98 - roteiro e atriz; Brazilian Film Festival of Miami/1998 - melhor fotografia; Festival de Triste de cinema latino/ 1998 - atriz; e melhor atriz coadjuvante pela Associação dos Críticos de São Paulo/1998.

Sérgio Silva (1946-2012), diretor e roteirista, realizador de 21 filmes de curta, média e longa duração e em diferentes bitolas. Formado em Letras pela UFRGS, lecionou literatura e língua portuguesa no Colégio Israelita Brasileiro de Porto Alegre e foi professor de dramaturgia no Departamento de Arte Dramática da UFRGS. Também atuou como ator, cenógrafo e produtor. Em sua filmografia, co-dirigiu com Tuio Becker, Heimweh/Nostalgia, filme de longa-metragem em 16mm, de 1990, sobre a colonização alemã no RS. Realizou também o curta-metragem O Zeppelin Passou por Aqui, em 35mm, de 1993.Seus próximos filmes de longa-metragem, em 35mm, serão Anahy de las Misiones, de 1997, prêmio de melhor filme no Festival de Brasília; Noite de São João, 2003, prêmio de melhor ator para Marcelo Serrado no Festival de Cinema de Gramado e Quase Um Tango, 2009, prêmio de melhor direção no Festival de Cinema de Gramado.

Araci Esteves é atriz de teatro, de cinema e de televisão. Uma das mais importantes atrizes gaúchas, como renomada trajetória artística.Formou-se no Departamento de Arte Dramática da UFRGS. Atua no teatro desde os anos 60 como integrante do Grupo de Teatro Independente, dentro da cena do teatro politico da época, e depois, nos anos 70 e 80, atuou em diversas peças como A Dama das Camélias, Boneca Teresa ou Canção de Amor e Morte de Gelsi e Valdinete, Champagne para Mãe Tuda e O Rei da Vela.No cinema, Anahy de Las Misiones foi sua atuação mais reconhecida, filme que lhe rendeu o prêmio de melhor atriz no Festival de Brasília.Atuou também nos filmes Aqueles Dois, Oriundi, Concerto Campestre e O Avental Rosa.

Miriam Rossini é jornalista e historiadora. Doutora em História pela UFRGS e Mestre em Cinema pela USP. Graduada em Jornalismo pela PUCRS e em História pela UFRGS. Professora de Comunicação da UFRGS, onde coordena o Grupo de Pesquisa Processos Audiovisuais. Integra o grupo de editores da revista E-Compós. Autora de artigos e capítulos de livro sobre cinema brasileiro, cinema e história, e relações entre televisão e cinema no Brasil. Entre seus livros publicados, Teixeirinha e o cinema gaúcho e Imagens da exclusão no cinema nacional.

Gustavo Fernández é diretor e roteirista. Co-roteirista de Anahy de Las Misiones, com Sérgio Silva e Tabajara Ruas, atualmente é diretor artístico e diretor de novelas e séries da Rede Globo. Entre elas, Órfãos da Terra, Os Dias Eram Assim, Boog Oogie, Além do Horizonte, Avenida Brasil, Cordel Encantado, A Favorita e Belíssima.

* Anahy de Las Misiones integra o programa de cinema em diálogo com a exposição Os Quatro - Grupo de Bagé, e tem curadoria de Marta Biavaschi.

Entrada gratuita (por ordem de chegada)

Agradecimentos especiais:
Liliana Sulzbach, Fernanda Boff (M. Schmiedt Produções), Araci Esteves, Gustavo Fernández e Miriam Rossini

Classificação indicativa: 16 anos

Eventos similares

Pegue um convite