Cantos e Acalantos  Contação de Histórias com José Mauro

Cantos e Acalantos Contação de Histórias com José Mauro

Quem não lembra de ser embalado quando criança com a cantiga do Boi da Cara Preta ou mesmo o Dorme Neném que a cuca vem pegar?

Em Cantos e Acalantos, José Mauro cria uma apresentação inspirada nas primeiras histórias ouvidas na infância e nos acalantos cantados pelas famílias para embalar seus filhos. As músicas, vindas do nosso folclore, são mescladas à algumas histórias como o Negrinho do Pastoreio, João Jil e Surrão Mágico, entre outras.

Em uma apresentação completamente teatral, o contador de histórias diz preservar o que ele chama de "dualidade do terror-afeto" das histórias que acompanharam nossa infância. Em Cantos e Acalantos, as lembranças tomam a cena e acabam indo para a casa com os espectadores. A intenção do espetáculo é recuperar e promover a manutenção das cantigas de ninar, dos contos tradicionais brasileiros e difundir o livro e a leitura.

José Mauro Brant é ator, cantor, autor e diretor de óperas e espetáculos musicais com mais de 80 espetáculos no currículo, e se define com uma só expressão: "Sou um contador de Histórias". Em 1996 estreou "Contos, Cantos e Acalantos", seu primeiro espetáculo contando e cantando histórias, dando origem a um CD homônimo. Brant se apresenta em teatros, escolas e hospitais em todo Brasil e no exterior, e hoje, concilia seus espetáculos de narração com a criação de grandes espetáculos musicais que possuem sempre uma coisa em comum: o mergulho apaixonado na literatura, a valorização do imaginário e das infinitas fronteiras que podem haver entre a música e o desejo de contar uma boa história.

A oficina faz parte da parceria entre a Fundação Iberê e a Feira do Livro de Porto Alegre em promover a ”Feira fora da Feira". Essa atividade é realizada através apoio da empresa parceira: CMPC Celulose.

A atividade é gratuita, sem necessidade de inscrição prévia, e indicada para todos os públicos.